FRASE MAL FORMULADA TAMBÉM MATA… A COMUNICAÇÃO

06/01/2017

A Secretaria Especial de Comunicação da Presidência da República (Secom) determinou a retirada “imediata” dos cartazes da nova campanha do Ministério dos Transportes sobre segurança no trânsito: “Gente boa também mata”, após enorme polêmica e uma enxurrada de críticas através das redes sociais.

Isso por conta de uma das peças mostrar uma mulher com um cachorro no colo e a seguinte e impactante e infeliz frase: “Quem resgata animais na rua pode matar. Não use o celular ao volante. Gente boa também mata”. Em uma outra peça, um médico com nariz de palhaço, com os seguintes dizeres: “Quem faz a alegria das crianças também mata. Um copo de bebida pode pôr tudo a perder. Gente boa também mata. Se beber, não dirija”.

Em entrevista ao jornal Estado de S.Paulo, o secretário de Comunicação da Presidência, Márcio Freitas, admitiu que apesar da boa intenção em mostrar que qualquer um pode cometer imprudências no volante, as peças trouxeram um sentido controverso por não terem a comunicação bem feita. Por isso, foi determinada a retirada imediata desses cartazes.

Segundo ele, a substituição das peças não vai acarretar em novos custos para o governo. Freitas ressalta ainda que as mudanças só deverão ocorrer no material impresso. O vídeo que integra a campanha deverá ser mantido.

O ministro dos Transportes, Maurício Quintella Lessa, disse que a campanha não foi idealizada pela pasta. “É uma campanha produzida e gestada pela Secretaria de Comunicação da Presidência da República. A comunicação do Ministério só teve acesso ao vídeo, que, no contexto, é bom. O que deu problema, o que polemizou, foram as peças apresentadas de forma isolada”, afirmou. Confira abaixo as peças que causaram toda essa polêmica:

3

2

 

1

Fonte: UOL



Tags: Publicidade

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com